Destinados a serem UM

This post is also available in: enEnglish frFrançais

O livro de Atos e, particularmente, Atos 15 é uma passagem chave para o nosso entendimento da posição e identidade dos gentios que responderam à mensagem do Evangelho e entraram para o Reino.

À primeira vista, a resposta do líder da Congregação de Jerusalém, Jacó (Tiago) em Atos 15, em relação aos gentios que estavam sendo salvos, é curiosa. Ele cita uma passagem de Amós 9.10-11 que é milenar em seu contexto original. Na versão Septuaginta, a tradução aparece assim:

Simão relatou como primeiramente Deus visitou os gentios, para tomar deles um povo para o seu nome.  E com isto concordam as palavras dos profetas; como está escrito: “Depois disto voltarei, e reedificarei o tabernáculo de Davi, que está caído. Levantá-lo-ei das suas ruínas, e tornarei a edificá-lo, para que o restante dos homens busque ao Senhor, e todos os gentios, sobre os quais o meu nome é invocado…” (Atos 15.14-17).

O Que Amós Quis Dizer?

A visão de Jacó (Tiago) é que Deus está tomando dentre os gentios um povo para si, e não que ele está tomando algumas pessoas e as convertendo para serem judeus ou para fazer  parte de uma nova “terceira raça”, que não é nem dos gentios nem dos judeus. Sua citação de Amós aponta para os últimos dias, a última Era, quando Israel e as nações serão um sob o governo do Messias.

O argumento de Jacó se encaixa no contexto geral dos Evangelhos Sinóticos. Se o Reino de Deus já invadiu este mundo, como ficou provado pelos sinais e maravilhas de Yeshua e dos apóstolos, e pelo derramamento do Espírito Santo, então outro aspecto do Reino também deveria se manifestar: os gentios passarem a se submeter ao governo de Davi. Embora Yeshua ainda não reine sobre um trono na terra em Jerusalém, ele já começou a reinar e está assentado à direta de Deus.

Inclusão

Os profetas falam em vários lugares sobre a conversão das nações, sobre a vinda delas para a luz do Messias. Ele é a luz das nações, bandeira aos povos, e leva a salvação de Deus até aos confins da terra. A inclusão dos gentios, sem se converterem ao judaísmo, é a figura descrita pelos profetas, e isso já está acontecendo hoje. Contudo, as nações se voltarão totalmente ao Deus de Israel, e isso ainda acontecerá. O texto de Amós é visto como algo que já está começando a acontecer. O tabernáculo de Davi é o restabelecimento da aliança davídica e o ajuntamento acontecerá sob o seu governo, sob a cobertura do seu tabernáculo.

A entrada dos gentios é mais uma evidência de que Yeshua é o Messias e de que o Reino já invadiu a nossa realidade. Israel e as nações estão destinadas a se unirem sob o domínio do Messias. No entanto, hoje, vemos judeus e gentios como um só povo no Messias. Eles são uma sombra escatológica da Era por vir. Eles revelam a Era por vir já se manifestando na era atual.

Print Friendly, PDF & Email
By | 2016-03-16T00:00:00+00:00 March 16th, 2016|Sem categoria|0 Comments

Leave A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.